A Igreja

Antes de dar à luz, Santa Mônica já tinha consagrado seu filho a Deus

A Igreja 27/08/2020/ 13:25:17
Antes de dar à luz, Santa Mônica já tinha consagrado seu filho a Deus


Nunca é cedo demais para que uma mãe comece a preparar seus filhos para receber as muitas graças de Deus. Isso é claramente revelado na vida de Santa Mônica, que se preocupava com o filho antes mesmo de ele nascer.

De acordo com uma biografia do século 19, intitulada The History of St. Monica (“A História de Santa Mônica”), a santa não esperou para consagrar seu filho a Deus”

“Estando grávida do grande Santo Agostinho, ela o consagrou várias vezes à religião cristã, ao serviço e à glória de Deus. [O próprio St. Agostinho] testemunha isso, afirmando que já havia conhecido a bondade de Deus enquanto estava no ventre de sua mãe”. 

Santo Agostinho escreveu sobre este aspecto do cuidado de sua mãe por sua alma em seu livro “Confissões”:

“Ainda menino eu tinha ouvido falar da vida eterna prometida a nós através da humildade do Senhor nosso Deus condescendente ao nosso orgulho, e fui assinalado com o sinal da cruz, e fui temperado com Teu sal desde o ventre de minha mãe, que muito confiou em ti.”

Embora seja verdade que Santo Agostinho tenha se afastado da fé, ele retornou ao cristianismo e aos braços de sua mãe por meio da persistência das orações dela.

Santa Mônica continua sendo um grande exemplo para todas as mães que desejam que seus filhos permaneçam unidos a Jesus Cristo. Ser mãe cristã não é fácil, e muitas lágrimas serão derramadas em favor de seus filhos.

No entanto, é dever de todas as mães colocar a sua confiança em Deus, oferecendo-lhe os seus filhos desde o início da sua existência. Embora isso não garanta que seus filhos vão evitar o sofrimento na vida, vai preparar o solo que mais tarde receberá as sementes do Evangelho. Ao fazer isso, espera-se que seu filho tenha um solo fértil, pronto para abraçar a Palavra de Deus e levar uma vida santa e virtuosa.


Aleteia 

Outras Notícias