Uma das iniciativas acontecerá no marco do dia de Nossa Senhora de Fátima, 13 de maio, em Lisboa.

Portugueses se mobilizam contra a legalização da eutanásia no país

No próximo dia 29 de maio, estão previstos para serem discutidos na Assembleia da República, em Portugal, quatro projetos de lei relacionados à legalização da eutanásia no país e, diante disso, diversas instituições religiosas estão se mobilizando contra tais propostas.

Uma das iniciativas acontecerá no marco do dia de Nossa Senhora de Fátima, 13 de maio, em Lisboa. Trata-se de uma vigília de oração contra a eutanásia, convocada na rede social Facebook pelo grupo do Terço dos Homens de Seixal.

A vigília acontecerá na capital portuguesa, no Largo do Rato, em frente à sede do Partido Socialista, o partido do governo, das 20h30 às 21h30.

“Traga um terço, uma vela e toda a sua família. Que, pelo poder do terço, Portugal seja protegido de ver legalmente aprovada esta lei contra a Vida!”, exortam os organizadores, ao recordar a frase de Irmã Lúcia, uma das videntes de Fátima, segundo a qual “o Rosário é a arma de combate das batalhas espirituais dos últimos tempos”.

Por outro lado, diversas religiões do GTIR (Grupo de Trabalho Religiões/Saúde) irão se unir no dia 16 de maio para uma conferência conjunta sobre a eutanásia, na Academia das Ciências de Lisboa, a partir das 15h30.

Ao final, os representantes assinarão uma declaração conjunta sobre a eutanásia, que será entregue ao presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa.

“O assunto da vida humana em processo terminal está claramente em cima da mesa, e na atualidade da agenda social e política para discussão”, afirmam os responsáveis pela conferência inter-religiosa, em comunicado enviado à Agência Ecclesia, do episcopado português.

Integram o GTIR as comunidades Islâmica, Israelita, Budista, Hindu e Bahai, as Igrejas Adventista, Ortodoxa e Católica, a Aliança Evangélica e o Conselho Português de Igrejas Cristãs (COPIC).

Segundo o comunicado, essas diversas tradições religiosas têm “uma mensagem sobre a vida e sobre a morte do homem que muito tem contribuído para a cultura e para a organização das sociedades ao longo dos séculos”.

O evento contará com um painel sobre a contribuição das religiões para a Bioética, uma conferência de Walter Oswald, médico e especialista em Bioética que a Igreja católica distinguiu com a edição de 2016 do Prêmio Árvore da Vida – Padre Manuel Antunes.

Em seguida, conclui-se com uma mesa-redonda que integra participantes de todas as religiões presentes, com a participação do Cardeal-Patriarca de Lisboa, Dom Manuel Clemente.

Além disso, também para o dia 16 de maio foi convocada uma manifestação de movimentos contrários à legalização da Eutanásia, como a Federação Portuguesa pela Vida.

Por fim, em 24 de maio, haverá uma manifestação intitulada ‘Os portugueses não querem a eutanásia’, às 12h30, diante do Palácio de São Bento, sede do Parlamento de Portugal.

Este evento será promovido por ‘Stop Eutanásia’, um “serviço de informação multidisciplinar criado por cidadãos para divulgar as diversas escolhas e caminhos alternativos à eutanásia e ao chamado ‘suicídio assistido’”. Em seu site, especificam que buscam tal objetivo “promovendo a cultura do respeito pelos mais vulneráveis”.

Aqueles que desejarem marcar presença na vigília do 13 de Maio poderão fazê-lo no link do evento no Facebook em: https://www.facebook.com/events/378139616014512/

Quem deseja mais informação nas redes sociais sobre a iniciativa ‘Stop Eutanásia’, pode obtê-lo no Facebook através do link: https://www.facebook.com/Stopeutanasiaportugal/


Outras Notícias

Frei Hans recebe prêmio internacional Pomba Dourada da Paz

O Frei Hans Stapel, fundador da Fazenda da Esperança, recebeu neste domingo o Prêmio Pomba Dourada da Paz, como sinal...

Catedral do Rio inaugura escultura do Cristo sem-teto

Pela segunda vez, no dia 18 de novembro, será celebrado o Dia Mundial dos Pobres, que terá como tema uma inspiração d...

“Deus é a minha inspiração”, diz designer de “Os Incríveis 2”

Um designer católico que participou da elaboração dos cenários do filme “Os Incríveis 2” compartilhou algumas experiê...

Um arco-íris sobre uma basílica fascina as redes sociais

Quem viu ao vivo ficou maravilhado e muitos disseram que vão guardar aquela imagem entre as suas lembranças mais boni...

Depois de 77 anos separadas, mãe reencontra filha concebida em estupro

Minka Disbrow tinha apenas 16 anos quando, em 1928, passou pelo pior momento de sua vida. Ela e uma amiga foram ataca...

“Ninguém solta o terço”: campanha viraliza na internet

Após o resultado das Eleições, artistas globais apoiadores da Campanha de Fernando Haddad (PT) como Bruna Markezine p...